segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Os Três Presentes - Parte 3



Você vai chegar e porta não vai estar entreaberta

E a cópia das chaves? Acabou de perdê-las!

O vestido lilás, curto com babado no decote não tinha bolsos

Milhares de coisas na bolsa

Milhares de coisas nas mãos

Menos as benditas chaves

'Terei de esperar no portão', fala à meia voz, para si mesma

ou para alguém que não vai ouvir

Se aproxima da porta, tem esperança

Sempre teve

Pensa que podem tê-la deixado destrancada, sem querer

Sem querer a gente faz muita coisa na vida

Até a felicidade é sem querer

E você gira a maçaneta

ela corresponde

a porta vai se abrindo

luzes apagadas, até então

mas você, num ato irracional e rotineiro

bate a mão inteira no interruptor

e sob luzes claras

você vê muita gente que você gosta

ou que nem gosta, mas como tudo é uma surpresa

você revela o afeto

eles cantam um 'parabéns' gritado

você força aquele sorriso antes que seu rosto demonstre outras sensações

canta com a boca meio fechada

fica feliz, fica sem jeito, olha pra alguém que te deixa segura

torce para que o grito acabe logo

acaba?

não, não acaba

tem ainda o 'É pique! É pique! '

acaba?

não, não acaba

tem ainda o 'com quem será que a Susana vai casar'

acaba?

não acaba

tem ainda o ' Susana é uma boa companheira'

acaba?

não acaba

Cantaremos sempre para você,

mesmo que não sejamos muitos, mesmo que não seja surpresa

mesmo sem bolo, sem sobremesa

acaba?

não acaba...


=]

3 comentários:

SUSANA disse...

Estou muitíssimo feliz pelos presentes, pelas visitas constantes, pelo carinho e por sua amizade. Amei te encontrar pela net! Será sorte ou acaso? Nenhum nem outro. Só DEUS pra me presentear com uma amizade tão sincera e pura. AMO VOCÊ!

Juliana disse...

oie!!!
Parabens!Parabens!!
Lindo post...
e nao podia deixar de dizer:Parabens Susana!!!
^^bjukas Thi, bjukas Susana!
Juh

Juliana disse...

ahhh esqueci de dizer
amei a fotinha!!hudahausdhua